Manchas

Manchas

As manchas são uma variação na cor da pele, que dependendo da concentração de melanina no local, podem aparecer marrons, brancas ou vermelhas.

Costumam causar incômodo e levar à procura por tratamento as manchas do envelhecimento, as hipercromias e hipocromias pós-inflamatórias (manchas causadas por lesões), as manchas em áreas sensíveis como axilas, virilhas e parte interna das coxas, além dos cloasmas que surgem na gravidez.

Dentre as manchas do envelhecimento, destacam-se as melanoses solares, sardas brancas nas pernas e antebraços, ceratose actínica (lesões pré-cancerígenas) e a poiquilodermia, que se manifesta como um avermelhamento na parte lateral do pescoço.

Com relação às manchas que surgem após lesões, originadas a partir do processo cicatricial, são comuns as causadas por acne, picadas de insetos, queimaduras e arranhões.

Os cloasmas são manchas escuras que costumam aparecer durante a gravidez em áreas da face como buço, região frontal e maxilar.

É importante prevenir o surgimento de algumas dessas manchas através do uso regular de filtros solares. No caso das manchas já instaladas, o tratamento visa atenuá-las ou até mesmo eliminá-las e pode variar, dependendo da avaliação do dermatologista, que irá determinar o tipo de mancha e o tratamento mais apropriado para cada caso.

Alguns dos tratamentos existentes são medicamentos tópicos, peelings (de cristal e químicos), terapia fotodinâmica, luz intensa pulsada (Renew), radiofreqüência fracionada (Sublative RF) e o laser de diodo fracionado (Matrix IR).

Tratamentos sugeridos: Spectra, Peeling.

Compartilhe: